fevereiro 12, 2015 -

Por Felipe Andrei

Olá a todos! Eu sou o Felipe Andrei, um dos playtesters de Battle Scenes, e esta é a minha primeira coluna por aqui. Procurarei postar as mais diversas deck lists, dando dicas e discutindo sobre elas com todos.

Uma das coisas que mais gosto no Battle Scenes é montar decks. Obviamente, sou um jogador competitivo e gosto de ter um deck de qualidade para ganhar partidas, mas para mim isso não é o mais importante. Gosto de inovar, usar cartas e combinações que ninguém espera, testar novas possibilidades que fogem do lugar-comum, mesmo que isso signifique às vezes passar vergonha e perder todas as partidas de um torneio. Porque quando dá certo, meus amigos, e você vê a surpresa no rosto de todos que veem você ganhar uma partida com uma combinação aparentemente ridícula ou uma carta que tinha tudo para ser inútil, é muito recompensador e a diversão vem em doses cavalares. E acima de tudo, queremos nos divertir, certo? 🙂

Nesta primeira conversa, vou falar sobre um deck que criei inspirado no Rei do Crime, personagem e carta que adoro, homenageando o bairro em que ele nasceu: o Bronx – pois como o mesmo já disse, há coisas que só se resolvem como no Bronx. Você vai precisar dos seguintes ingredientes:

 

Personagens (29):
2x Rei do Crime
3x Capanga do Rei
3x Ninja do Tentáculo
3x Mystério
2x Tony Stark
1x Homem de Ferro BSUM
1x Homem de Ferro BSET
2x Feiticeira Escarlate
2x Pyro
2x Homem de Gelo
2x Asa Vermelha
2x Falcão
2x Alexsander Lukin
2x Gata Negra

Suportes
2x Toupeira Mecânica

Cenários (12):
1x Garras Imoladoras
2x Retirada Estratégica
3x Convocar Reforços
3x Invocar O Relâmpago
3x Estratagema Infalível

Habilidades (17):
1x Cubo Cósmico
1x Manto de Levitação
3x Roubo de Ideias
3x Planos de Infiltração
3x Investigação Silenciosa
3x Lança-Míssil
3x Trespassar

 

Bom, mas como funciona este deck? Assim como o Rei, ele procura resolver as coisas como no Bronx: com violência, através dos inúmeros personagens sendo baixados todo turno, e os descartes, que agridem a mão do adversário, minando suas opções.

Este deck possibilita uma abertura de controle fortíssima, geralmente com Gata Negra + Trespassar, Invocar o Relâmpago e Alexsander Lukin + Roubo de Ideias, tirando personagens importantes como a Gata e cenários como aquele Convocar Reforços esperto que o oponente deixou preparadinho para fazer depois de colocar nos recursos quase toda a mão inicial… Se o oponente decidir retrancar e não jogar, com Retirada Estratégica na Gata, Roubo de Ideias, Invocar o Relâmpago e Estratagema Infalível, em poucos turnos você pode depenar a mão dele, impossibilitando qualquer reação. Afinal, sem mão ninguém joga.

Mas, se o oponente abrir a partida, você tem respostas igualmente fortíssimas, como Rei do Crime + Planos de Infiltração + Capangas ou Mystério + Convocar Reforços para no primeiro turno já adentrar a batalha com 3 Ninjas do Tentáculo e bastante dano, além da dupla que faz muito bem o serviço sujo: Pyro e Homem de Gelo.

O ponto fraco deste deck são os decks de ataque energético com Concentrar Poder/Onda de Energia ou Super Força com Onda de Choque/Ignorar Fracotes. Nestes casos, a opção é não abrir a partida enchendo a mesa de personagens, e sim priorizar o descarte para eliminar os personagens da mão adversária e cenários como Planar Invisível.

Através da combinação de personagens deste deck, você pode começar o jogo com mais de 5 personagens agressivos em cena, com muitas opções de compra, dano e baixar mais personagens. Ele pode ser jogado tanto de modo iniciante quanto avançado, pois as combinações de personagens, habilidades e cenários são enormes. E lembre-se sempre de que não importa se você não tem todas as cartas da decklist: se algum detalhe não lhe agradou ou se você acha que algo poderia ser modificado para melhorar seu desempenho, tenha em mente que esta deck list é apenas a minha versão, e uma referência para debate neste espaço.

Bom, pessoal, é isso! Essa foi a nossa primeira dica de deck. Conte aí nos comentários o que você achou e lembre-se: inove, seja diferente – você vai se surpreender com o resultado e a diversão será muito maior! 😉

  • Kleber Kennedy Menezes

    Cara, curto demais decks diferentes. Parabéns pela proposta.

  • Leonardo Moreira

    Achei fraca a lista

    • Edvaldo

      Acho que o deck não é fraco, porem existem mais fortes. Nesse deck temos cartas significativas como Pyro, Mysterio, F Escarlate, convocar, cubo, etc. da pra brincar um pouco sim…

      • Lucas De Almeida Matos

        Não tem sugestão coletiva. ficar dependente só da feiticeira pra não tomar cenário eh meio complicado.

  • Marcelo

    Gosto mto de jogar com decks diferentes, nesse ai eu senti falta de Treinador, Mary,Mefisto ou ate mesmo Deadpool.

    Um deck de guardioes fecharia a partida contra vc apenas na preparação, ou no máximo na antecipação seguinte por conta da nave + investigação.

  • Adriel

    Olá! O Deck é legal, principalmente pra quem não quer contar muito com as habilidades (né Léllis! rsrs) porque achei que tem muitos personagens com muitas opções de montar a mesa e controle mas com poucas opções de combos de danos maciços. Num jogo contra os Guardiões da Galáxia esse deck pode ser pulverizado ainda mais com a descida da Nave. Contra os Xmen e seu Forge descendo suportes que nem louco e abrindo a mesa rápido com reduções de danos (Tempestade) e aumento de escudo (Pássaro negro e Ciclope), sem falar nas incapacitações da Cristal, o Bronx fica pra tráz. Mas também é especulação! kkkk… Achei o deck divertidíssimo porque independente de competições ou torneios eu prezo pela diversão e esse deck atende muito bem esse requisito! Valeu!!!

    • Penetrator

      Testei o deck, e é bem forte contra Guardiões, em 2 turnos dizimou a mesa do oponente. Mas senti que se o jogo se prolongasse e a nave entrasse com mais de 2 Guardiões em cena, aí realmente seria dizimado.
      Contra X-Men, o problema é a Tempestade e o Pássaro Negro. Tem que ser eliminados logo, e a partida é realmente um bad match.

      • Adriel

        Uhum… decks assim e temáticos que são divertidos pra jogar. Ja levei decks assim até em campeonatos! rsrs

  • Edvaldo

    Gosto muito de montar decks, jogar com outras cartas (tudo bem que para torneio sempre rodam as mesmas cartas no deck de todos) pois a diversão é garantida, seja vencendo ou perdendo. Parabéns pela coluna Felipe Andrei.

    • Lucas De Almeida Matos

      sempre rodam as mesmas cartas? quais? vc ja viu mefisto, homem aranha negro, omega red, cisne negro, cosmo, magneto ET, tempestade UM, Ultron 14, Gangue da demolição, Quarteto Futuro jogando? eu ja vi e vi no top 4 todos esses

  • Dickson Luz

    A idéia do deck é boa. Entretanto, dependendo do metagame ele não faz nada.

    ps: tem muita deck list rodando com rei do crime.

    • Lucas De Almeida Matos

      pode ter n decklists rodando, mas quantas são de campeões?

      • Penetrator

        Se o cara é um playtester, quem garante que ele não ganhou algum campeonato com esse deck?

        • Lucas De Almeida Matos

          eu garanto que se ele vier pra São Paulo com esse deck, ele não ganha nenhum campeonato. Não sei como está no resto do Brasil, mas isso não roda aqui. o cara perde antes de conseguir fazer alguma coisa.

          • Penetrator

            Pelo visto, no ambiente daí os decks de ataque enérgico dominam, certo?

          • Lucas De Almeida Matos

            sonho seu! kkkk o deck mais forte daqui eh voo com elasticidade.

  • LJohnson

    A melhor coisa desse post é a descriçao do felipe: “capaz de explodir como o Nitro” hahahhauaisihashashsi

  • Gustavo Borges

    Nada mais divertido do que criar o seu deck e jogar com ele, vivo jogando com decks baseados em idéias malucas e com certeza me divirto mais do que usando o mesmo deck a vida inteira.

    • Kleber Kennedy Menezes

      Falou tudo cara.

  • Lucas De Almeida Matos

    Andrei desculpe mas vou falar a verdade. Seu deck não ganha! Pode ter sido muito forte antes. mas onda de energia, ultron ou tocha ganha disso sozinhos!

    • LJohnson

      Concordo. Mas deve ser divertido pra caramba se op cara conseguir baixar essa galera aí

      • Lucas De Almeida Matos

        Eu tenho uma lista quase tão extensa quanto a dele que desce fácil. Ganhar eh outra coisa. só 75% de aproveitamento por enquanto. Quando a copag finalmente terminar o Battle System, e tivermos um nacional, vou querer exibi-lo. Mas e ai Copag cade o Battle System?

  • Bruno Melo

    Já que ngm vai dizer eu digo. Esse deck não funciona. Tem inúmeras falhas BÁSICAS que qualquer jogador com o mínimo de experiência saberia. Não condeno a tentativa de decklist diferente. Na verdade quando minha cidade tinha torneios eu sempre vinha com algo “doido”(usando umas cartas difíceis de aparecer em torneios, mas todas com uma justificativa).
    Não existe isso de usar 2 falcão e asa vermelha… A carta é feita pra se usar 3/3. Se fosse permitido usavam 4/4. Feiticeira escarlate ta fazendo o que ai?! Não tem magia nem telecinese!!! Com a quantidade de cartas que funcionam na fase de preparação, a probabilidade de você não conseguir fazer absolutamente nada que se propõe é imensa, como os seus ninjas(isso se você conseguir baixar os 3). Você nem mesmo identificou qual capanga do rei usa, e mesmo assim só usa 3!! Pra finalizar, usa Rei do crime sem usar Mary Tyfoid, que é uma carta que pode ser puxada com rei do crime, tem ataque a distância e lâminas(o dano do seu deck), e ainda por cima quando entra pega um personagem tentáculo(Qual a afiliação dos ninjas mesmo?).
    Enfim… Inovar por inovar qualquer um faz. É melhor se propor a gastar 1 horinha dando uma lida nas cartas e fazer um deck sinérgico. Eu garanto a vc que se tentar inovar sem estudar as cartas vc não vai se divertir, vai jogar inúmeros jogos sem conseguir fazer 1/4 do que queria com o seu deck e vai se frustar.
    Sei que pareci um pouco revoltado, mas não é a primeira vez que vejo um decklist no site oficial que parece que foi montado nas pressas ou na doida. Pra mim, a galera que entra nos posts do site oficial tem que ter no mínimo um conhecimento equivalente aos jogadores amadores. Vai ser difícil, mas tente levar as críticas para o lado bom. E que venham os xingamentos! Bom jogo!