novembro 29, 2017 -

Olá jogadores!

 

Bem vindos à nova coluna Amplificador Mental. Sou Danilo Nakamura e aqui vamos expandir nossas mentes através da discussão sobre os segredos escondidos atrás das mecânicas do jogo, termos, teorias e análise de estatísticas.

Nesta primeira série, vamos abordar as características dos poderes de Battle Scenes.

 

 

INTRODUÇÃO

Neste artigo iremos abordar os poderes analisando exclusivamente as habilidades, pois essas são as cartas que melhor representam cada poder sem a influência da história do personagem fora do jogo ou de outros poderes que ele possa ter.

Para a análise, dividiremos as características em 4 categorias principais: Agressividade, Proteção, Desenvolvimento e Inibição. E essas categorias vamos juntar em dois grandes grupos: Atrito e Progresso.
As características de Atrito são aquelas que interagem diretamente com os personagens do oponente ou com os seus. E características de Progresso são aquelas que desenvolvem seu jogo ou atrasam o do oponente.


ATRITO

Agressividade é a capacidade do poder de nocautear um personagem. Inclui: diminuir escudo, causar dano (normal e penetrante) e descarregar cartas.
Quando se pensa em impedir seu oponente de nocautear seus personagens, usaremos o termo Proteção. Aqui subdivididas em: aumento de escudo ou textos de proteção, carregar cartas extras no personagem, impedir ações ou tirar poderes e incapacitar.

 

 

PROGRESSO

Desenvolvimento é o quanto o poder consegue evoluir o jogo durante a partida – seja comprando cartas, gerando recursos ou gerando capacitações extras. Capacitações extras foram colocadas nesta categoria, pois indiretamente economiza cartas na sua mão que seriam usadas para capacitar um personagem.

O contrário do Desenvolvimento é a Inibição, que dificulta o desenvolver da cena do oponente. Seja tirando cartas da mão, mandando cartas para a base do deck, privando o acesso ao topo do deck ou aos recursos.

Observações:

Gostaria de pontuar que para esse artigo não foram levadas em conta a qualidade dessas características para cada poder, apenas o quanto de cada característica pode ser encontrada em cada um deles. Outro fato importante ressaltar é que uma carta pode conter mais de uma característica. Portanto, a porcentagem pode levar em conta a mesma carta mais de uma vez. As graduações em estrelas foram normalizadas para que se pudesse ter uma comparação mais visual entre cada poder; não levando em consideração números absolutos, mas a distribuição deles.

Agora sem mais explicações vamos ao que interessa; as estatísticas!

 

AGILIDADE  (31 habilidades)

AGRESSIVIDADE 80%

PROTEÇÃO 09%  

DESENVOLVIMENTO 29%

INIBIÇÃO 3%


Quem já jogou ou gosta de cartas de Agilidade com certeza percebeu que o poder tem duas características principais; dano normal e capacitações.
Apesar de 80% das habilidades terem algum tipo de dano, todo esse dano é normal. Algumas vezes, esse dano (nas circunstâncias certas) pode ser maciço(Técnica Tribal) ou depender do número de personagens ou ações que se usa (Sincronismo, Assalto Sincronizado).

Apenas 3 habilidades concedem algum tipo de defesa para os personagens, sendo que com Correria Enrolada o personagem precisa ter Elasticidade para poder incapacitar.

Com a chegada de Ascensão e Queda finalmente o poder começou a ter algum tipo de desenvolvimento além da famosa capacitação. Meditação foi o antecessor não muito bem-sucedido da Investigação Incauta.


Agilidade, em resumo, é um poder que se beneficia de mesas lotadas de personagens. Eis o porque a maioria dos decks de Tentáculo usam Agilidade para desenvolver seu jogo e agredir os personagens do oponente. Outros decks que dependem menos de número, acabam optando por uma ou outra habilidade que capacite seus personagens para poder economizar cartas na mão. Para complementar esse poder, talvez seja interessante cartas que consigam defender suas habilidades de agilidade.

 

ATAQUE À DISTÂNCIA  (30 habilidades)

AGRESSIVIDADE 93%

PROTEÇÃO 26%

DESENVOLVIMENTO 3%

INIBIÇÃO 0%

 

Se você achou que Agilidade era agressivo, pense novamente. Quase todas as cartas de Ataque à Distância (AaD) causam dano e apenas uma carta (Investigação Solitária) para Desenvolvimento. Mas se engana quem acha que esse poder não tem seus truques na manga. Com tanta Agressividade, o poder engloba tanto dano penetrante, quanto dano normal e em praticamente todas as fases, com mais de uma opção de ações Imprevistas (Alvejar Comparsas, Esperteza das Ruas são as mais populares e Agressivas). Para complementar, o poder ainda conta com algumas técnicas de Proteção para frustrar os avanços do oponente. Seja com Tiro Incapacitante impedindo uma ação de ser usada (e ainda causando dano) ou Arsenal Privado, que além de recuperar energia de outro personagem, ainda carrega uma habilidade que o oponente acabou descarregando ou chegou mais tarde quando seu personagem já estava em cena. Arma Escondida, Tática Armada e Fuzil de Guerra mostram versatilidade e que quando o assunto é Agressividade não há desculpas para causar dano.

 

ATAQUE ENERGÉTICO (30 habilidades)

AGRESSIVIDADE 93%

PROTEÇÃO 13%

DESENVOLVIMENTO 13%

INIBIÇÃO 0%

 

Outro poder que está na lista dos tops quando se trata de Agressividade. Porém, diferente de AaD, Ataque Energético (AEn) é conhecido pelas suas habilidades de Prontidão antes mesmo da palavra-chave ser inventada. Concentrar Poder (CP) foi durante muito tempo a habilidade que representava esse poder e decks inteiros eram criados em volta dessa carta. E infelizmente – ou felizmente – por causa do seu poderoso texto, até Forças Estelares não havia nenhuma habilidade (de dano) com ação imprevista. Tamanha era sua força que as outras habilidades do poder acabavam não acompanhando, sendo cheias de restrições e/ou não tendo muitas variações de efeitos. Mas foi em Ascensão e Queda o poder começou a ter outras possibilidades. Carga Total, Corrente de Plasma e Míssil Energético não só introduziram novas mecânicas para o poder, como também Proteções e Desenvolvimentos que antes faltavam. Agora, AEn e Telecinesia são os únicos poderes que descarregam cartas dos personagens burlando grande parte das Proteções de dano do oponente.

ELASTICIDADE (30 habilidades)

AGRESSIVIDADE 60%

PREOTEÇÃO 33%

DESENVOLVIMENTO 16%

INIBIÇÃO 13%

 

O terceiro melhor poder quando se trata de impedir o desenvolvimento do jogo. Com cartas como Arrancar das Mãos e Pacote Surpresa é fácil frustrar o bom andamento ou as defesas do oponente. Mas nem só de Inibição vive o poder. Agressividade e Proteção têm um equilíbrio na Elasticidade. A agressividade conta com ações que diminuem o Escudo e causam dano nos personagens na mesma ação. Cartas como Sufocamento e Prensa Pênsil conseguem nocautear personagens com uma única ação. Já a Proteção utiliza uma das melhores técnicas: Incapacitar. Amarras Invisíveis e Atrasar são os exemplos máximos sobre como manter o controle sobre as capacitações dos personagens adversários. Ou seja, Elasticidade é um poder balanceado que consegue amarrar e embolar os avanços do oponente, seja no Atrito ou no Progresso da cena.

 

Por enquanto é isso, pessoal! Se quiserem saber de um poder em específico é só deixar nos comentários, que tentamos trazer no próximo artigo do Amplificador Mental. Fiquem a vontade para deixar críticas e sugestões do que melhorar no próximo artigo.

Até a próxima!

Tag: , , , , , , , , , ,
  • Mauricio Briganti

    artigo muito esclarecedor , quero ver a analise dos poderes mais completos(na minha opinião) magia,voo e cosmico

    • Jack Burton

      poder cósmico é bom, minha habilidade preferida, seria uma boa mesmo, voo tbm é uma habilidade interessante

      • Zangief Red Ciclone

        Se ninguém mais se manifestar teremos:
        N/A, Cósmico, Magia e Vôo
        E tem espaço pra mais um ainda

  • Marcelo de Sá

    Boa Nakamura ! Ótimo artigo

    • Zangief Red Ciclone

      Muito obrigado Marcelão!

  • Jack Burton

    quero saber sobre N/A

    • Zangief Red Ciclone

      Opa! Então estará no próximo artigo!

  • Alexandre Castanheira

    Deve ter dado um trabalho absurdo analisar todas as habilidades e classificar cada uma, muito bom!

    • Zangief Red Ciclone

      Valeu Castanheira!
      Deu um trabalho, mas valeu a pena levantar esses dados! É bom pra analisar o jogo de forma mais objetiva!